BRASÍLIA  –  A autorização confirmada ontem pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) para que cooperativas de crédito também possam captar poupança rural a partir de 1° de julho é considerada pelo governo como uma medida que antecipa o “espírito” do próximo Plano Safra (2019/20), que está sendo negociado entre os ministérios da Economia e da Agricultura e deverá deflagrar mudanças estruturais importantes.

Source link